segunda-feira, 21 de outubro de 2019


Cova da Piedade 0 - 4 Benfica: Competentes!

Benfica Carlos Vinícius
Carlos Vinícius faturou em dose dupla
A participação do Benfica na Taça de Portugal 2019/20 começou com uma curta deslocação para defrontar o Cova da Piedade, no campo deste, ao contrário do que se vê por outras latitudes. A derrota do Sporting frente ao Alverca do terceiro escalão serviu para alertar ainda mais os jogadores para os riscos destes jogos contra equipas mais "pequenas". Bonito de se ver a festa nas bancadas pouco habituadas a jogos desta dimensão.
Bruno Lage apresentou uma equipa com várias das primeiras opções a titular dando descanso apenas aos que foram mais utilizados nas suas seleções. Dessa forma Odysseas, tocado na seleção grega, ficou de fora dos     
eleitos, assim como Rúben Dias, Taarabt e Seferovic. André Almeida e Rafa foram outros dos ausentes, neste caso por problemas físicos.

Cova da Piedade vs Benfica - Taça de Portugal 2019/20
Svilar, Nuno Tavares, Florentino (70'), Gedson (65'), Seferovic, Cervi (74') e Jota

Momento | Positivo | Negativo

O momento em que o Benfica nos escolhe
Primeiro golo: Num jogo em que o nervosismo tem tendência a aumentar com o passar dos minutos, marcar mesmo antes do intervalo é um bom bálsamo para a segunda parte.
Prémio Pablo Aimar
Regresso de Florentino: É sempre bom ver o departamento médico a ficar mais desanuviado. O regresso do médio aos relvados garante outro tipo de soluções ao treinador para o centro do meio campo.
Prémio Bruno Cortez
Início da partida: Num jogo onde a equipa foi competente, a arbitragem discreta e o ambiente nas bancadas foi de festa não há muito de negativo a apontar. Apenas algumas precipitações e falta de inspiração na primeira meia-hora de jogo. 

Benfica Florentino Luís
Florentino Luís regressou após lesão

Bitaites do terceiro anel:
  • Este já está. Venha o próximo!
Abraço

1 comentário:

  1. o negativo é a nossa incapacidade para conseguir marcar só com o guarda redes pela frente, alguns lances completamente isolados, e isto não é um problema de um jogador ou outros mas de todos os jogadores do plantel é que a taxa de finalização nestas situações deve estar na ordem de uma em vinte, se não for pior.

    sinceramente continuo sem perceber ainda a utilidade do caio não mostrou nada de especial e nem sequer ser melhor que cervi, ou zivkovic, que já mostraram ser insuficientes para aquilo que precisamos com a agravante de que não tem o compromisso defensivo do cervi nem o potencial, ainda não confirmado, do zivkovic.

    não sei se rdt é o ponta de lança que precisamos mas ao fim deste tempo todo o que ficou mais que provado é que não é segundo avançado e continuar a insistir neste erro é deitar 20M fora.
    não tendo nenhum segundo avançado no plantel o unico que pode fazer o lugar para mim é o pizzi a duvida é se depois o taarabt ou o gedson podem fazer o que pizzi faz.

    ResponderEliminar

Espreite também: