sábado, 31 de março de 2018


Benfica vs Guimarães - Letra tranquilizadora

Benfica Futebol Raúl Jiménez
Passe de letra para o golo da tranquilidade
Após a sempre monótona paragem para os jogos da seleção, a 28ª jornada da Liga NOS 2017/18 trouxe ao Estádio da Luz a sempre complicada equipa do Vitória de Guimarães. À medida que o campeonato se aproxima do fim, menor é a margem de erro de que o Benfica dispõe, pelo que esta partida voltou a adquirir carácter de decisiva. A Onda Vermelha voltou a ser uma realidade, com as bancadas repletas de fervorosos adeptos no apoio à equipa.
A recuperação de Rúben Dias permitiu a Rui Vitória apresentar o onze que mais confiança lhe tem dado nas últimas jornadas. Também Sálvio se apresentou recuperado da operação a que foi sujeito e marcou presença no banco dos suplentes, representando mais uma opção de peso para o treinador.
Onze inicial: Varela, André Almeida, Rúben Dias, Jardel, Grimaldo, Fejsa, RafaPizzi, Zivkovic (Seferovic 90'), Cervi (Raúl  69') e Jonas (Sálvio 88').
Suplentes: Svilar, Luisão, Samaris, João Carvalho, Sálvio, Raúl e Seferovic.

Muito controlo e pouco risco

O Benfica teve uma entrada em jogo em que procurou dominar mas sem deixar de controlar as saídas do Guimarães para o ataque. Era um domínio quase absoluto mas com pouco risco, o que facilitou a vida ao Vitória no seu objetivo primário que era o de retirar pontos ao Benfica. Com os alas colocados junto dos laterais, os visitantes mantiveram sempre o perigo longe da sua baliza.
Um cabeceamento de Jonas e um lance de pressão de Rafa ao guarda-redes foram os lances de maior perigo nesta fase inicial. Com o passar dos minutos os vimaranenses começaram a aparecer com maior frequência no meio campo ofensivo e dispuseram de algumas bolas paradas que provocaram alguns calafrios aos adeptos. Da esquerda do ataque vimaranense surgiram cruzamentos venenosos que permitiram a Grimaldo brilhar com excelentes cortes a fechar no meio.
Benfica Futebol Jonas
Será que vem aí o sucessor?
É nesta fase de maior equilíbrio que um passe de Jonas sobre a defensiva contrária isola Pizzi que remata de primeira ao lado da baliza. Desta vez foi o Benfica a dispor de várias bolas paradas mas nunca chegou a criar perigo. Quando toda a gente esperava pelo intervalo João Aurélio aborda de forma displicente um cruzamento para a sua área e joga a bola com a mão fazendo penaltie. Jonas não perdoou e fez o primeiro da partida. Quase de seguida o árbitro apita para o intervalo.

Momento de magia a dar tranquilidade

A segunda parte trouxe um Benfica mais assertivo na procura do golo com um futebol mais rápido e objetivo. Sentia-se que a equipa procurava o segundo golo para obrigar o Vitória a desmontar o autocarro que trouxe da cidade berço. As oportunidades mais claras estiveram nos pés de Grimaldo que correspondeu bem a passes a rasgar a defensiva vitoriana. Mais tarde arrancou um excelente remate para defesa difícil do guarda-redes adversário.
O golo acabou por não aparecer e o Guimarães foi sempre acreditando no golo do empate. Apesar disso as oportunidades reais junto da baliza de Varela não apareciam. Era sempre o Benfica a equipa a dispor das melhores oportunidades sendo um cabeceamento de Jardel a melhor delas todas.
A meio da segunda parte deu-se a entrada de Raúl Jiménez numa substituição que começa a ser um clássico. Os frutos foram imediatos com a irreverência de Raúl a provocar logo um cartão amarelo a um central adversário. Pouco depois abrilhanta a sua atuação com um passe de letra que permitiu a Jonas o tão desejado golo da tranquilidade. Depois deste golo o Benfica limitou-se a gerir o jogo trocando a bola com tranquilidade entre os seus jogadores embora Zivkovic tenha tido nos pés a hipótese do terceiro golo.
Fundação Benfica
Não esquecer de colocar na declaração de IRS: 509259740
Vitória muito difícil, contra uma equipa que se apresentou muito forte defensivamente, com a equipa a revelar um controlo emocional que me parece que não teve correspondência fora do campo. Sofre-se muito cá fora enquanto não surge o segundo golo. Mais três pontos, mais uma final vencida. Venha agora o outro Vitória, no jogo mais importante da época.

#naomefodas mode on
  • O João Aurélio ainda não esqueceu os tempos que passou na Ilha. Parecia mesmo que estava a dançar o Bailinho da Madeira.
  • Só quem tem andado muito distraído nos últimos anos é que poderia achar que o VAR seria prejudicial ao Benfica. Mesmo com VAR já levamos esta época muitos penalties como este por marcar. Só com a lagartada...
  • Fds, as voltas que o Peseiro deu ao cérebro para tentar dizer que o penaltie foi mal marcado.
  • Este vitória pode criar dificuldades na receção ao Porto. Pena é que o Rafinha se vá lesionar a subir o autocarro na véspera do jogo.
#naomefodas mode off

Venha o próximo e viva o Benfica!!!

Destaques do Baralho

REI: Raúl Jiménez – Sem palavras para a atitude que este homem apresenta sempre que entra em campo. A assistência de "letra" é só mais um bom pormenor.
ÁS: Grimaldo – Excelente a fechar dentro na primeira parte, com um bom conjunto de cortes. Não menos excelente na procura do golo na segunda com três boas oportunidades de golo.
SENA: 33 – Chegar aos 33 golos na liga no fim-de-semana da Páscoa não deixa de ter o seu simbolismo. Grande Jonas Pistolas!
DUQUE: José Peseiro – Não tem jeitinho nenhum para esse tipo de papel. Não lhe chegou a experiência no Porto para tirar essa conclusão?
Abraço

4 comentários:

Nau disse...

Limpinho! Sem ajudas. Sem árbitros amigalhaços, como se tem visto com os dragartos.
Os lagartos, só por um canudo é que vão ver a Champions da próxima época. Devem estar a rosnar: «A culpa é do estado lampiânico!». O uivar dos chacais nunca chegou aos céus. O lamento de barões falidos, muito menos. E o karma é tramado, farta-se de castigar os filhos da mãe.

BragattiSLB disse...

É continuar a fazer o nosso trabalhinho. Se houver justiça o resto virá por acréscimo.

Semper Fidelis disse...

o singular de penalties é PENALTY

BragattiSLB disse...

Obrigado pela chamada de atenção.
Por acaso esta semana estive para corrigir, mas depois fiquei na dúvida entre penálti ou penalty e não alterei.
No próximo, que seja a nosso favor, vai ser penálti.
Abraço

Espreite também: