domingo, 29 de outubro de 2017


A reflexão que se impõe – Os Sócios/adeptos

Benfica Adeptos Vénia
A vénia simboliza o respeito pelos adeptos
O momento atual do Benfica justifica uma paragem para refletir no que tem sido o caminho percorrido desde a conquista do Tetra Campeonato. No desporto em geral e no futebol em particular é muito ténue a linha que separa o sucesso do fracasso. Pela fragilidade dessa linha e pela existência de todo um conjunto de variáveis mais ou menos incontroláveis, torna-se arriscado, e por muitas vezes injusto, avaliar os resultados apenas como consequência das opções tomadas.
Tal não invalida, bem pelo contrário, que não devamos procurar analisar todas as opções tomadas e as suas consequências no atingir do objetivo proposto. Por isso numa série de artigos vou abordar um conjunto de áreas, tentando perceber as ideias por trás das decisões tomadas e procurando encontrar novos caminhos e soluções:

Os Sócios/adeptos

Têm sido muitos aqueles que ao longo dos anos têm servido diretamente o clube contribuindo no exercício das suas funções para o crescimento do mesmo. Sejam atletas, treinadores, dirigentes ou funcionários, todos eles contribuíram para que o Benfica seja aquilo que é hoje em dia. Sem retirar nenhum dos méritos a todos esses servidores do clube, é na grandeza dos seus associados e restante massa adepta que o Benfica encontra o principal alicerce para a sua dimensão.
Benfica Adeptos Estádio da Luz
Faça chuva ou faça sol, eles aí estão! 
São eles a razão da existência do clube. É neles que quem serve diretamente o clube deve pensar sempre que orienta um treino, entra em campo para um jogo ou assina um qualquer contrato. O pensamento deve estar sempre orientado no sentido de tudo fazer para proporcionar alegrias e vitórias à massa adepta, porque só reconhecendo este esforço é que estes retribuirão com apoio. A massa associativa sabe reconhecer quando há esse esforço e dedicação, mesmo quando os objetivos não são atingidos.

"Chove? Faz Frio? Faz Calor? Que Importa, nem que o jogo seja no fim do mundo, entre as neves das serras ou no meio das chamas do inferno... Por terra... Por mar... Ou pelo ar, eles aí vão, os adeptos do Benfica atrás da equipa... Grande... Incomparável... Extraordinária... massa associativa!", Bella Guttman

O Benfica conta atualmente com cerca de 210 mil sócios. Chegou a ser o clube com mais associados em todo o mundo, sendo que em Portugal é claramente o clube com mais sócios. No que diz respeito aos adeptos é comum a referência aos seis milhões de adeptos em Portugal e aos quatorze milhões a nível mundial. São dados estatísticos e não dados objetivos, mas mais milhão menos milhão, são um bom indicador da realidade. Certo é que onde quer que o Benfica vá, eles estão lá presentes em quantidade  e em qualidade.
Benfica Adeptos Dortmund
No estrangeiro o apoio é uma constante

"Mister, isto nem no Madrid! "O mesmo já tinha acontecido no estágio da Suíça. No meio das montanhas, num local que nem vem no mapa, havia centenas de Benfiquistas a apoiar-nos. Após o primeiro treino liguei à minha mãe e disse: "Mãezita, este clube é impressionante!" , Saviola

Seja num estágio no meio das montanhas na Suíça, numa qualquer pequena vila portuguesa para a Taça de Portugal ou numa grande metrópole para a Liga dos Campeões, eles estão lá presentes. Nas pequenas vilas a visita do Benfica é sempre um dia de festa para as populações. No estrangeiro tem sempre um significado muito especial para os emigrantes portugueses. O elo de ligação com a pátria mãe reforça o já de si exacerbado amor ao clube. Também em jogos no Estádio da Luz é usual, mas surpreendente, a presença de emigrantes que vêm propositadamente a Portugal para ver um jogo do Benfica. 
Benfica Adeptos Jonas
A fundamental empatia adepto / jogador

"Desde que me tornei homem chorei a morte de 3 pessoas que muito amava. Todas as outras lágrimas chorei-as pelo Benfica. E quase todas as minhas alegrias devo-as ao meu clube.”, António Lobo Antunes

A importância dada pelos benfiquistas ao clube é algo que a ciência dificilmente conseguirá explicar. Esta ligação terá de ser entendida mais no âmbito do misticismo e do sobrenatural. Só os benfiqusitas podem entender as palavras de António Lobo Antunes reproduzidas acima. Não deve haver um único que, mais palavra menos palavra, não se reveja nelas. Já tentar explicá-las a quem não é do Benfica será sempre tarefa inglória.
O sucesso estará sempre intimamente ligado à empatia existente entre os adeptos e os jogadores. Só essa empatia permite ultrapassar os vários obstáculos que que vão surgindo ao longo da temporada. Essa empatia deve ser cultivada nos dois sentidos. Os adeptos devem amparar as equipas nos momentos menos bons e as equipas devem deixar a pele em campo em nome da entrega dos adeptos. Os festejos dos golos com os adeptos e não apenas entre os jogadores, são um bom exemplo de como se reforça esta relação.
Benfica Adeptos Marquês
O Marquês tem sido local de festa para os Benfiquistas
Numa temporada em que têm sido visíveis algumas fragilidades no grupo de trabalho, traduzidas num mau começo em termos de resultados e exibicionais, será fundamental que esta química entre adeptos e equipa se mantenha em alta. Já aqui foram escalpelizadas várias situações que poderão ter contribuído para o mau começo, situações que importa que avaliar e corrigir se for o caso.
Até lá, resta-nos dar todo o apoio que a equipa necessita, assim como resta à estrutura do Benfica dar o tudo por tudo em cada treino, em cada jogo e em cada competição. Só assim poderemos ambicionar o inédito Pentacampeonato.

#naomefodas mode on
  • Eu tive um sonho, que pt de sonho: os Red Pass´s esgotavam ainda no mês de Junho.
  • Fds, aquele minuto 70 na Luz explica mais do que todas as palavras que aqui escrevi!
  • Essa vénia que abre o texto significa reverência e respeito pela hierarquia. Quem não o perceber está a mais com o manto sagrado vestido.
  • "Benfica é quase uma religião", Jorge Jesus.
  • "A minha namorada disse-me: ou eu ou o Benfica! Às vezes tenho saudades dela...", Anónimo
#naomefodas mode off

Abraço


8 comentários:

  1. Totalmente de acordo, nós adeptos e que fizemos a diferença no tetra e empurramo la pra Vitória. Nós e que somos temidos pelos rivais e pelos antis dos merdia nacionais. Este ano tornamo nos burgueses. Abraço e viva o maior que todos nós, O BENFICA

    ResponderEliminar
  2. Tu, eu, o Saviola, o (enorme) António Lobo Antunes falamos sempre do "clube", ou da "equipa", como enfatiza Bella Guttman.
    E é assim que o Benfica deverá ser SEMPRE pensado. O meu sentimento de pertença é com o clube, o meu apoio (sempre) inequívoco é à equipa, não a uma qualquer SAD.
    Não se pense que este é um exercício de mera retórica, pois a lógica que tem imperado é a do regular funcionamento da SAD, intrínseca e essencialmente economicista.
    É necessário não perder o foco: contas equilibradas, sim, mas não à custa do estrangulamento da equipa. Quero continuar a ser adepto, não cliente...até porque como cliente tenho motivos de sobra para pedir o livro de reclamações.
    Eu queria acreditar, senhor presidente do clube mas o senhor presidente da sad não me deixa...

    ResponderEliminar
  3. Excelentes artigos que so mostram a grandeza dum impar clube Sport Lisboa e Benfica parabens ao autor deste blog.
    Obs:era bom que os meninos do Ser Benfiquista e Geracao Benfica lesem com atencao o que e ser benfiquista nestes textos aqui inseridos...porque nesses blogs citados e do piorio que pode haver a derrotar aqueles que estao ha frente dos destinos do clube Sad,assim como todos aqueles que compoeem a BTV ou e so inveja por nao poderem la estar ou entao sao benfiquistas disfarcados...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelas simpáticas palavras.
      Abraço

      Eliminar
  4. Que texto fantástico! Concordo a 100%! Só todos juntos podemos ser mais fortes!
    Saudações Benfiquistas!

    ResponderEliminar

Espreite também...

Benfica 2 - 1 Rio Ave - Extremos resolvem!