sábado, 30 de dezembro de 2017


Setúbal vs Benfica - A vida é mesmo assim

Benfica Futebol João Carvalho
O talento está lá todo. Será uma questão de tempo.
Deslocação a Setúbal para o último jogo do ano que por força dos resultados anteriores significava também o último jogo na edição deste ano da Taça CTT. Já sem quaisquer possibilidades de qualificação para a final a quatro da competição, restava ao Benfica terminar o ano civil com uma vitória.
Apostar em dar ritmo ao possível onze a apresentar na próxima jornada da Liga NOS ou dar minutos aos jogadores menos utilizados, seria o dilema de Rui Vitória. Optou pela segunda alternativa, deixando de fora da equipa inicial a maior parte daqueles que se prevê que sejam os titulares no primeiro jogo de 2018.
Onze inicial: Svilar (36'), Douglas, Lisandro, Rúben Dias, Eliseu, Samaris, Filipe Augusto (Krovinovic 64'), João Carvalho, Zivkovic, Rafa (Raúl Jiménez 75') e Seferovic.
Suplentes: Varela, Jardel, Keaton Parks, Krovinovic, Cervi, Diogo Gonçalves e Raúl Jiménez.

Dominar sem fazer cócegas

Primeiros 45 minutos possíveis por parte de um grupo de jogadores que por vários motivos não consegue ser uma equipa. O Benfica até entrou mais dominador, com a bola a rondar mais a baliza da equipa da casa, mas um domínio estéril que não se traduz em situações de golo. Pelo contrário o Setúbal as vezes que se aproximou da baliza encarnada foi sempre com perigo. Cabeceamento a passar rente ao poste; frente a frente com Svilar em que este leva a melhor sobre o avançado e depois o primeiro golo da partida.
Benfica Futebol Rúben Dias
Rúben Dias fez o golo do empate
No golo sofrido Svilar ainda defendeu o primeiro cabeceamento num lance em que acaba por embater contra o poste. Acabou por ter que ser substituído por Varela, que mal entrou em campo sofreu o segundo golo numa saída em que não fica bem na fotografia. Até ao intervalo surgem algumas boas iniciativas do Benfica, que culminam no único remate enquadrado, através de Zivkovic.

Geração de 97 repõe justiça no marcador

Aos 47 minutos já Lisandro e Filipe Augusto tinham feito duas excelentes assistências para jogadores adversários. Valeu a boa intervenção de Varela. Este tipo de lances têm sido uma constante ao longo da época, criando uma intranquilidade que retira qualquer possibilidade de apresentar um futebol consistente.
Ainda assim a equipa apareceu com maior agressividade na recuperação da bola e mais dinâmica na sua circulação. Fruto dessa atitude, e através de dois expoentes da qualidade da geração de 97, chega ao empate. Primeiro mais de meio golo para o trabalho de João Carvalho que Seferovic concretiza e depois através do golo de Rúben Dias. Fazia-se justiça no marcador e perspectivava-se a reviravolta. Tal não aconteceu e o jogo termina com o empate a duas bolas.
Esta participação na Taça da Liga não prestigia o palmarés do Benfica na competição. Três empates, sendo que dois dos jogos foram no Estádio da Luz, deixam mais um amargo de boca nesta temporada. Desta já nos livramos, como diria o outro. Vem aí 2018, que nos traga tantas alegrias como 2017 trouxe.
Benfica Futebol Rafa
É quase criminoso não retirar proveito de tanto potencial

#naomefodas mode on
  • Finalmente, crl. Toca a fazer a limpeza que se impõe.
  • O Samaris utilizou todos os neurónios a aprender português. Só sobrou um para utilizar dentro de campo.
  • Fds, a defesa das bolas paradas tá ao nível do futebol distrital. Deprimente. Juntar esta ineficácia defensiva às faltas estúpidas do Samaris é de pôr os cabelos em pé a qualquer um.
  • A incapacidade de Rui Vitória de retirar rendimento de alguns jogadores, que deviam ser Reis no Tugão, devia dar direito a processo disciplinar. Mas como a vida é mesmo assim...
#naomefodas mode off

Venha o próximo e viva o Benfica!!!

Destaques do Baralho

REI: Luisão – Estes jogos após a lesão do capitão, demonstram bem que continua a ser o Rei daquela defesa.
ÁS: João Carvalho – Aquele lance no primeiro golo deixa água na boca. Mais ano menos ano, a camisola dez será sua.
SENA: Instruções a Varela – Aquando da substituição Rui Vitória passou vários minutos a dar instruções ao guarda-redes. Passado poucos segundos Varela andava à caça dos gambozinos.
DUQUE: Bolas paradas – Continua a saga dos golos sofridos de bola parada. Já deixou de ser feitio para passar a ser defeito.
Abraço


domingo, 24 de dezembro de 2017


A todos um Bom Natal...

A todos os que nos honraram com a sua visita ao longo do ano, ficam os votos de um Santo e Feliz Natal junto daqueles que vos são mais próximos.

Benfica Feliz Natal

Ao velhinho das barbas deixo os votos de Boa Viagem e que deixe algum combustível no trenó para passar pelo Marquês lá para o mês de Maio.



Abraço


quarta-feira, 20 de dezembro de 2017


Benfica vs Portimonense - Ridículo que até dói!

Benfica Futebol Lisandro
Lisandro faz o que parecia ser o golo da tranquilidade
Foram pouco mais de vinte mil os heróis que se deslocaram ao Estádio da Luz para a receção ao Portimonense no segundo jogo da edição deste ano da Taça CTT. Uma vitória folgada era o resultado que poderia encaminhar o Benfica rumo à final a quatro da competição.
O treinador encarnado promoveu menos alterações do que o esperado em relação ao onze que defrontou o Tondela para a Liga NOS. Ainda assim foram quatro as novidades: Svilar, Rúben Dias, Samaris e Zivkovic.
Onze inicial: Svilar, André Almeida, Lisandro, Rúben Dias, Grimaldo, Samaris (Keaton Parks 63'), Krovinovic, Pizzi (Seferovic 81'), Salvio, Zivkovic (Diogo Gonçalves 63') e Jonas.
Suplentes: Bruno Varela, Jardel, Keaton Parks, João Carvalho, Cervi, Diogo Gonçalves e Seferovic.

Começar em grande

O jogo começa com o primeiro golo do Benfica logo no primeiro minuto. Excelente Zivkovic a temporizar e a largar em Grimaldo no tempo certo, este cruza atrasado e o inevitável Jonas abre o marcador com um excelente remate de pé esquerdo.
O Portimonense não acusou minimamente o golo sofrido e encostou mesmo um atarantado Benfica no seu meio campo. Apesar disso não se pode considerar que a baliza benfiquista passasse por verdadeiro perigo. Ultrapassada a fase de pressão visitante o Benfica ganha algum ascendente e acaba por chegar ao segundo por intermédio de Lisandro num bom cabeceamento.
Até ao intervalo ambas as equipas dispuseram de uma ou outra oportunidade mas o marcador não sofreu mais alterações.

Recomeçar em pequeno

A partida recomeça com o golo dos visitantes em mais uma bola parada muito mal defendida. Se se esperava uma entrada forte que permitisse chegar a um resultado folgado, este golo inverteu as sensações e o Benfica praticamente desapareceu do jogo. Em sentido inverso o Portimonense moralizou-se a voltou a acreditar num resultado positivo.
Benfica Futebol Jonas
Classe de Jonas ainda vai disfarçando
O jogo torna-se muito incaracterístico, com muito pouco que contar. Ainda assim era o Portimonense que demonstrava maior lucidez no futebol praticado. No Benfica realce apenas para uma tentativa de chapéu por parte de Diogo Gonçalves após excelente assistência de Jonas. O Benfica não fechou o jogo nesse lance e ficou sempre exposto a um contra-ataque ou lance de bola parada do Portimonense. Precisamente de bola parada e já muito perto do final do jogo, chega o golo dos visitantes a dar justiça ao marcador.
Este resultado deixa o Benfica com um pé fora desta competição. É mais um rude golpe a juntar ao afastamento da Liga dos Campeões e da Taça de Portugal.  Estes resultados e exibições tão intermitentes não auguram nada de bom quanto ao sucesso numa competição onde a regularidade é fundamental como é o Campeonato Nacional. Haja coração.


#naomefodas mode on
  • Oh Vítor, deixa lá de dar banhos ao nosso Mister que ainda o afogas.
  • Golpe de génio substituir Samaris e Zivko que não tinham jogado em Tondela e deixar jogadores todos rotos em campo. Cereja no topo do bolo a substituição de Pizzi no momento em que Jonas se agarra à coxa. Pqp!
  • Este miúdo vai continuar na baliza? Sério? Vão gozar com o crl que vos fd.
  • Quando o 2-1 deixa tudo em aberto, deixar o meio campo entregue a um Krovinovic todo roto e um Keaton Parks tão verdinho é mesmo de visionário.
#naomefodas mode off

Venha o próximo e viva o Benfica!!!

Destaques do Baralho

REI: Eu – Depois deste jogo ainda vir aqui escrever! Vai lá vai.
ÁS: Vocês–  Depois deste jogo ainda virem aqui ler! Vai lá vai.
SENA: Vazio – Esta sensação de vazio é uma cena que não me assiste.
DUQUE: Rui Vitória – Gestão de jogo horrível. Os jovens têm que aparecer por mérito e não como quem enche chouriços.
Abraço


segunda-feira, 18 de dezembro de 2017


Modalidades à Benfica! - IX


Benfica Andebol Masculino

Andebol

Campeonato Nacional

15ª Jornada: Benfica  33 - 28 Águas Santas
16ª Jornada: Porto 30 - 23 Benfica
Jogaram: Hugo Figueira, Davide Carvalho (1), João Silva (4), Pedro Seabra (3), João Pais (4), André Alves, Belone Moreira (3), Paulo Moreno (2), Ricardo Pesqueira (1), Nuno Grilo (1), Alexandre Cavalcanti (2), Fábio Vidrago (1), Miguel Espinha, Francisco Pereira e Ales Silva (1).
Classificação: 3º Lugar - 16J 13V 1E 2D 43P
Próximo jogo: 17ª Jornada - Benfica - AA Avanca (20/12/2017 - 21:15)

Taça de Portugal

1/16 Final: Arsenal da Devesa 25 - 39 Benfica
Jogaram: Hugo Figueira, Davide Carvalho, João Silva (1), Pedro Seabra (4), João Pais (4), André Alves (7), Belone Moreira (3), Paulo Moreno (5), Ricardo Pesqueira (1), Nuno Grilo (1), Alexandre Cavalcanti (4), Fábio Vidrago (5), Miguel Espinha, Francisco Pereira e Ales Silva (4).
Próximo jogo: Oitavos de final -  Benavente - Benfica


Benfica Basquetebol Feminino

Basquetebol

XX Campeonato Nacional Liga Feminina

11ª Jornada:  - Benfica 72 - 45 Vítória de Guimarães 
12ª Jornada:  - Benfica 69 - 43 CAB
Jogaram: Catarina Neves (7), Cynthia Dias (2), Joana Ramos (10), Mafalda Borges, Mariana Silva (3), Ladondra Johnson (7), Marta Martins, Dejza James (24), Jessica Garcia, Filipa Bernardeco (8), Telma Fernandes (8) e Inês Vales.
Classificação: 5º Lugar - 12J 7V 5D 20P
Próximo jogo: 14ª Jornada - GDESSA Barreiro - Benfica (19/12/2017 - 21:30)
Próximo jogo: 13ª Jornada - Benfica - Olivais Coimbra (07/01/2018 - 16:30)


Benfica Basquetebol Masculino

Basquetebol

X Campeonato da LPB Placard

11ª Jornada: Illiabum 67 - 80 Benfica
12ª Jornada: Vitória de Guimarães 100 - 98 Benfica
Jogaram: José Silva (6), Carlos Morais (7), Gonçalo Delgado, Neemias Queta, Nuno Oliveira (25), Tomás Barroso (20), Carlos Andrade (13), Antywane Robinson (11), Rafael Santos, Raven Barber (13), Ricardo Monteiro e Dos Santos (7).
Classificação: 1º Lugar - 12J 11V 1D 23P
Próximo jogo: 13ª Jornada - Benfica - Oliveirense (29/12/2017 - 19:00)
Próximo jogo: 14ª Jornada - Benfica - Terceira (06/01/2018 - 15:00)

Supertaça

Vencedor: Benfica 104 - 74 CAB Madeira


Benfica Futsal Feminino

Futsal

Campeonato Nacional Futsal Feminino

9ª Jornada: Povoense 1 - Benfica
10ª Jornada: Benfica 4 - 0 Sporting 
Jogaram: Ana Catarina, Cláudia Costa, Inês Fernandes, Janice Silva (1),  Maria Pereira, Bety Delgado, Cláudia Lobo (1), Cátia Batista, Fifó (2), Sara Ferreira, Débora Venâncio e  Raquel Santos.
Classificação: 1º Lugar - 10J 10V 0E 0D 30P
Próximo jogo: 10ª Jornada - Venda Luísa - Benfica (30/12/2017 - 18:00)

Supertaça

Vencedor: Benfica 3 - 0 Novasemente


Benfica Futsal Masculino

Futsal

Liga Sport Zone

14ª Jornada: Benfica 4 - 0 Burinhosa
15ª Jornada: Pinheirense 1 - Benfica 
Jogaram: Roncaglio, Fábio Cecílio, Bruno Coelho (1), Deives (1), Robinho (1), André Correia, Afonso Jesus, André Coelho, Tiago Brito, Rafael Henmi, Bruno Pinto, Cristiano, Raul Campos (2) e Jacaré.
Classificação: 2º Lugar - 15J 14V 0E 1D 42P
Próximo jogo: 16ª Jornada - Benfica - Fabril (30/12/2017 - 16:00)


Benfica Hóquei Patins Feminino

Hóquei em Patins

Campeonato Nacional Feminino

7ª Jornada: A. A. Coimbra 1 - 3 Benfica
8ª Jornada: Nafarros  1 - 10 Benfica 
Jogaram: Maria Vieira, Ana Arsénio, Inês Vieira, Raquel Abreu (2), Andreia Leal (2), Sandra Coelho, Marlene Sousa (4), Maca Ramos (1), Rita Lopes e Rute Lopes (1).
Classificação: 1º Lugar - 8J 8V 0E 0D 24P
Próximo jogo: 9ª Jornada - Benfica - Alverca (07/01/2018 - 19:00)

Taça de Portugal

1ª Eliminatória - 1ª Mão: Benfica 20 - 1 Nafarros
1ª Eliminatória - 2ª Mão: Nafarros 0 - 15 Benfica 
Jogaram: Sandra Coelho, Marlene Sousa (6), Inês Vieira (1), Rita Lopes (3), Rute Lopes (1), Maria Vieira, Raquel Abreu, Maca Ramos, Andreia Leal (3) e Ana Arsénio (1).
Próximo jogo: 2ª Eliminatória - 

Liga Europeia Feminina

1ª Eliminatória - 1ª mão: - Plegamans 1 - Benfica
Jogaram: Maria Celeste Vieira, Marlene Sousa, Inês Vieira, Rita Lopes e Rute Lopes.
1ª Eliminatória - 2ª mão: Benfica 5 - 3 Plegamans (Vitória nas grandes penalidades)
Jogaram: Maria Celeste Vieira, Marlene Sousa (1), Inês Vieira, Rita Lopes (1+1) e Rute Lopes (1+1), Sandra Coelho, Ana Arsénio, Maca Ramos, Raquel Abreu e Andreia Leal.
Próximo jogo: Quartos de Final - 1ª Mão - Benfica - Estrelas Molfetta (IT) (20/01/2018 - 18:00)

Supertaça

Vencedor: Benfica 4 - 1 Stuart Massamá


Benfica Hóquei Patins Masculino

Hóquei em Patins

Campeonato Nacional

7ª Jornada: Benfica 2 - 1 OC Barcelos 
8ª Jornada: Paço de Arcos 4 - Benfica
Jogaram: Pedro Henriques, Valter Neves, Diogo Rafael, Jordi Adroher (5), Carlos Nicolia, Guillem Trabal, Tiago Rafael, Vieirinha, João Rodrigues (2) e Miguel Rocha.
Classificação: 2º Lugar - 8J 8V 0E 0D 24P
Próximo jogo: 9ª Jornada - Oliveirense - Benfica (20/12/2017 - 21:15)

Liga Europeia

2ª Jornada: Forte Dei Marmi 1 - 1 Benfica   
3ª Jornada: Benfica 4 - 8 Barcelona    
Jogaram: Pedro Henriques, Valter Neves, Diogo Rafael, Jordi Adroher (1), Carlos Nicolia (2), Guillem Trabal, Vieirinha, Tiago Rafael, João Rodrigues (1) e Miguel Rocha.
Classificação: 2º Lugar - 3J 1V 1E 1D 4P
Próximo jogo: 4ª Jornada - Barcelona - Benfica (13/01/2018 - 18:00)

Taça Intercontinental

Meia Final: Andes Talleres (AR) 4 - 7 Benfica   
Final: Reus (ES) 3 - Benfica    
Jogaram: Pedro Henriques, Valter Neves (1), Vieirinha, Jordi Adroher (4), Carlos Nicolia, Guillem Trabal, Tiago Rafael, Diogo Rafael, João Rodrigues e Miguel Rocha.
Classificação: VENCEDOR


BenficaVoleibol Masculino

Voleibol

Campeonato Nacional - 1ª Fase

14ª Jornada: SC Caldas 0 - 3 Benfica (14-25 | 19-25 | 15-25)
15ª Jornada: Espinho 3 - 2 Benfica (25-23 | 17-25 | 25-18 | 23-25 | 15-13)
Jogaram: Vinhedo, André Lopes, Ivo Casas, Hugo Gaspar, Fred Winters, e Honoré.
Classificação: 1º Lugar - 14J 12V 2D 37P
Próximo jogo: 16ª Jornada - Benfica - Castelo da Maia (27/12/2017 - 21:00)

Challenge Cup

16 Avos - 2ª Mão: UVC Holding Graz 0 - Benfica (13-25 | 16-25 | 18-25)
Jogaram: Mrdak, Gradinarov, Filip Cveticanin, Dusan, Zelão, Tiago Violas e Guilherme Gentil.
Próximo jogo: Oitavos de final - 1ª Mão - Steaua de Bucareste - Benfica - (???)

Taça de Portugal

Oitavos de final: Benfica  3 - 1 Sporting  (21-25 | 25-19 | 25-23 | 32|36)
Jogaram: Vinhedo, André Lopes, Mrdak, Gradinarov, Honoré, e Ivo Casas.
Próximo jogo: Quartos de final: Benfica - ??? (???)


Abraço


domingo, 17 de dezembro de 2017


Tondela vs Benfica - Boas sensações!

Benfica Futebol Adeptos
Adeptos do Benfica deram prenda de Natal ao tesoureiro do Tondela
Era com muita expectativa que se esperava a deslocação do Benfica a Tondela para a 15ª jornada da Liga NOS. Importava uma reação forte da equipa à eliminação da Taça de Portugal ocorrida a meio da semana. Mais uma vez o Benfica a servir de Pai Natal dos outros 17 clubes da Liga. Desta vez foi ao Tondela que os milhares de Benfiquistas presentes deram a prenda de Natal.
Rui Vitória manteve a aposta no onze que vem apresentando ao longo dos últimos jogos. A exceção foi a troca do lesionado Luisão por Lisandro Lopes que fez dupla no centro da defesa com Jardel.
Onze inicial: Varela, André Almeida (Keaton Parks 83'), Lisandro, Jardel, Grimaldo, Fejsa (Samaris 68'), Salvio, Pizzi, Krovinovic, Cervi e Jonas (Raúl 80').
Suplentes: Svilar, Rúben Dias, Samaris, Zivkovic, Keaton Parks, Seferovic e Raúl.

Repetir Vila do Conde

À imagem do ocorrido a meio da semana contra o Rio Ave, o Benfica entrou muito forte na partida. Com uma pressão alta constante que levava à rápida recuperação de bola, o Tondela foi sendo cada vez mais encostado à sua grande área. A constante participação dos laterais no jogo ofensivo permitiu que Salvio, Cervi, Krovinovic e Pizzi aparecessem muitas vez em espaços interiores que Jonas inteligentemente ia libertando.
Foi numa dessas incursões pela direita que André Almeida serviu Pizzi com um cruzamento largo permitindo ao médio a abertura do marcador. O golo libertou ainda mais a equipa do Benfica e viu-se finalmente um verdadeiro carrossel ofensivo com os jogadores claramente mais confiantes e, porque não dizê-lo, mais alegres. Rostos alegres que tanta falta têm feito esta temporada.
Benfica Futebol Alegria
A alegria é meio caminho andado para o sucesso
Foi sem qualquer surpresa que chegou o segundo golo. Desta vez inverteu-se o flanco e foi Grimaldo a cruzar para a cabeça de Salvio que apareceu na zona do ponta de lança para fazer o segundo. O Tondela esboçou uma reação mas não chegou a incomodar Bruno Varela. Antes do intervalo, e ao contrário de muitos outros jogos esta época, desta vez é o Benfica que novamente por Pizzi faz o terceiro golo  e recolhe aos balneários com uma vantagem confortável.

Controlar a reação e depois reagir

O Tondela aparece mais forte na segunda parte e nos primeiros minutos incomoda mais o Benfica do que em toda a primeira parte. Bruno Varela correspondeu a preceito e com o passar dos minutos a equipa reassumiu o controlo do jogo e voltou a jogar-se no meio campo adversário. O quarto golo surge por Jonas num excelente remate que a classe do brasileiro até faz parecer fácil.
O quarto golo trouxe um certo baixar da guarda que associado ao desgaste do jogo de quarta-feira fez com que aparecessem momentos de desconcentração. Num desses momentos o Tondela chega ao golo ao aproveitar uma má saída de bola do Benfica. A reação é quase imediata com mais um grande golo. Passe de Salvio para Pizzi que de primeira assiste Jonas para o seu segundo golo e o quinto do Benfica. O jogo estava terminado com um resultado dilatado mas justo.
Benfica Futebol Jonas
Até parece fácil
Esta vitória vem na senda do bom jogo realizado em Vila do Conde e dá sinais positivos no que ao crescimento da equipa diz respeito. Seguem-se dois jogos para a Taça CTT ainda antes do final do ano que importa vencer de forma clara para garantir a continuidade na prova. Depois, é esperar que no sapatinho aparecem duas ou três prendas que ajudem a equipa a saltar para outro patamar.

#naomefodas mode on
  • Outra vez a conversa do processo Mister? Toca mas é a ganhar os joguinhos que aí vêm.
  • Toca a repetir a dose na próxima jornada, faxabor?
  • Vitória por margem confortável mas de certezinha que o Tribunal do "ONojo" amanhã vai verificar, por unanimidade, que houve uma falta a favor do Benfica que foi marcada dez centímetros mais à frente.
  • Por falar nisso... Deixem de consumir produtos que possam ser nocivos para a vossa/nossa saúde.
#naomefodas mode off

Venha o próximo e viva o Benfica!!!

Destaques do Baralho

REI: Salvio – Um golo, uma assistência para o "youtube", um excelente passe para Pizzi no quinto golo e muito trabalho defensivo justificam a coroação.
ÁS: Pizzi – Dois golos e uma assistência e, acima de tudo, um rosto bem mais aberto.
SENA: Ponta de lança deslocado – Ver o jogador mais avançado da equipa a sair a jogar junto do lateral esquerdo é meio esquisito.
DUQUE: Direção do Tondela – Esta doença de proibir adereços do clube adversário em determinadas bancadas parece que é contagiosa. Triste o futebol que chega a este ponto!
Abraço


sábado, 16 de dezembro de 2017


Ao cuidado de Cosme Damião - V

A equipa de Hóquei em Patins do Benfica conquistou pela segunda vez na sua história a Taça Intercontinental, vencendo na final o Reus, atual campeão europeu.
No jogo da final foi Jordi Adroher quem mais brilhou ao marcar quatro dos cinco golos da vitória por 3-5. O outro golo foi marcado pelo capitão Valter Neves.
Nas meias finais o Benfica tinha vencido os argentinos do Andes Talleres por 7-4 numa partida onde brilhou Carlos Nicolia com três golos marcados.

Regresso às vitórias de uma equipa que tem recheado o Museu Cosme Damião

Parabéns Campeões!!!



quinta-feira, 14 de dezembro de 2017


Rio Ave vs Benfica - Sabor amargo!

Benfica Futebol Luisão
Coração de Capitão
O Benfica deslocou-se ao Estádio dos Arcos em Vila do Conde para defrontar o Rio Ave nos oitavos de final da Taça de Portugal 2017/18. Adivinhava-se um jogo difícil frente a um adversário que tem recebido muitos elogios nesta temporada. Apesar do horário impróprio, os Benfiquistas marcaram presença em número assinalável de forma a dar o apoio necessário para ultrapassar mais um obstáculo rumo ao Jamor.
Rui Vitória apresentou o onze que tem sido titular nos últimos jogos do campeonato confirmando a estabilidade tanto no que diz ao sistema como no que diz respeito aos nomes.
Onze inicial: Varela, A. Almeida, Luisão, Jardel, Grimaldo (Seferovic  86'), Fejsa, Krovinovic, Pizzi (Raúl 68'), Salvio, Cervi (Zivkovic 74') e Jonas.
Suplentes: Svilar, Lisandro, Filipe Augusto, Samaris, Zivkovic, Seferovic e Raúl.

Marcar o rumo dos acontecimentos

Entrada forte do Benfica em jogo procurando demonstrar desde o primeiro minuto que a vitória era o único resultado que interessava. Os encarnados marcavam o ritmo do jogo com uma forte pressão logo à saída de bola do adversário o que permitia a sua rápida recuperação. Dessa forma não surpreendia que a bola rondasse sempre a baliza dos vilacondenses. Um bom remate de Krovinovic a proporcionar uma boa defesa ao guarda redes, um corte de um jogador do Rio Ave que embateu no poste e um remate de Salvio que passa muito perto do poste são bons exemplos do domínio encarnado.
Uma tentativa de chapéu de Jonas após boa jogada coletiva, um bom remate de ressaca de André Almeida e remate de Pizzi já dentro da área, faziam adivinhar o primeiro golo da partida. Não foi preciso esperar muito tempo, cruzamento da direita de André Almeida e Jonas, sem deixar cair a bola, encaixa-a onde a coruja faz o ninho com um excelente remate de pé direito.
Benfica Futebol Jonas
Golo só ao alcance de predestinados
Até ao intervalo assistiu-se a um aumento das quezílias por parte dos jogadores da casa com a complacência do árbitro que teve mão ligeira para amarelar André Almeida e mão muito pesada para os levantar para os jogadores da equipa da casa.

Início desastroso e muito coração 

Se o Benfica muito teve que trabalhar para abrir o marcador, o Rio Ave pouco precisou de fazer para chegar ao empate. Logo a abrir a segunda parte, falha de Cervi, um dos melhores jogadores em campo, permite o empate à equipa da casa. O golo parece ter abalado a confiança com que o Benfica abordou o jogo ao mesmo tempo que fez crescer a convicção dos vilacondenses, tonando-se assim num jogo onde o equilíbrio era a nota dominante. O Benfica dispõe de uma boa oportunidade por André Almeida mas é o Rio Ave que se adianta no marcador num bloqueio mental da defensiva benfiquista.
Desta vez a reação ao golo foi imediata com Cássio a defender de forma incrível um cabeceamento de Luisão. O Benfica procurava o golo com muito coração e aproximava-se cada vez mais da baliza adversária. Fruto dessa insistência dispõe de um penaltie por falta sobre Jonas, que o mesmo não conseguiria converter no desejado golo. Quando se esperava que este falhanço fosse o canto do cisne a equipa voltou a demonstrar que encarou este jogo com outra atitude, ao reagir à adversidade com um golo do capitão Luisão. Estava feito o empate e perspectivava-se o prolongamento.
Um golpe de teatro antes do apito final. Mesmo no final do tempo regulamentar na sequência de um corte, Luisão agarra-se à coxa e teve de abandonar o jogo. Olhando para o esforço despendido na forte pressão exercida na primeira parte e o despendido na procura do golo do empate, não era difícil adivinhar que com menos um jogador o Benfica teria muitas dificuldades no prolongamento. Até porque mais do que a inferioridade numérica preocupava o desequilíbrio total do dez que restou. Uma coisa é jogar com dez e com um ou nenhum avançado, outra é jogar com dez e com três avançados, sendo que um deles nem os 90 minutos costuma aguentar, quanto mais 120 minutos.

Querer mas não poder 

Para complicar ainda mais, o Benfica sofre o terceiro golo logo a abrir o prolongamento, na quarta oportunidade concedida ao Rio Ave. Um remate que ia direitinho para as mãos de Varela ressalta em Jardel e vai ter com o avançado que desvia para golo. A defesa tinha subido para o colocar em fora de jogo mas Seferovic na esquerda ainda não havia recuperado a posição após um carrinho e validou o golo.  
Com este golo o Rio Ave ficou numa posição confortável e conseguiu ir gerindo o jogo alterando períodos de posse de bola com outros de anti-jogo. O Benfica procurava esticar o jogo sempre que possível mas o físico não permitia muito. Ainda assim dispôs de algumas situações para chegar ao empate, a melhor delas num excelente remate de Seferovic que proporcionou mais uma excelente defesa ao guarda redes. O golo não apareceu e consumou-se a eliminação da Taça de Portugal.
Benfica Futebol Cervi
Este deixa sempre a pele em campo
Tenho para mim que este foi um dos jogos mais conseguidos do Benfica esta época, não é que isso seja um grande consolo mas tenho de o escrever. Preferia ter sido massacrado e ter ganho, mas o jogo é o que é e temos que saber viver com isso. Agora é fácil dizer que não devíamos ter metido a carne toda no assador nos primeiros 45 minutos, ou que não se devia ter metido tantos avançados em campo, ou que devia ser o Raúl a marcar o penaltie, etc, etc. Que a equipa continue a elevar o seu nível de jogo e que faça tudo por ganhar cada jogo que dispute, como me parece ter sido o caso, é o que eu desejo.


#naomefodas mode on
  • Se os nossos alas zigzagueassem como os comentários dos adeptos ao intervalo e no fim do jogo, ninguém os segurava.
  • E que tal chegarem a acordo com o General Nhaga? Vamos lá, é mais milhão menos milhão, crl.
  • Fica aqui o aviso, se contratarem alguém em janeiro com menos de 1,80m de altura e 80kg de peso passo escrever o post todo em "nmf mode". A não ser que seja o Messi, ou o Bernardo, vá lá ;)
  • Já mor, já acabei de escrever, já vou pra cama. Só não vou é ao Jamor :(
#naomefodas mode off

Venha o próximo e viva o Benfica!!!

Destaques do Baralho

REI: Cervi – Já merecia uma coroação pela alma que dá à equipa, assim como merecia a passagem aos quartos de final.
ÁS: Golo do Jonas – Um golo destes tem sempre que ser destacado.
SENA: Lesão do Luisão – Como costuma dizer o outro, se fossemos um circo até o anão crescia.
DUQUE: Luís Filipe Vieira – Esta viagem numa altura crucial da época nem aos chineses lembrava.
Abraço


terça-feira, 12 de dezembro de 2017


Ao cuidado de Cosme Damião - IV

A equipa feminina de Râguebi do Benfica conquistou o Circuito Nacional na variante Dez.
Foi na última etapa do circuito nacional que o Benfica confirmou o título. Fim de semana de jornada dupla que se saldou por vitórias sobre o Cascais (39-0) e Agrária (24-7). Já no fim de semana anterior se tinham superiorizado ao Bairrada (46-5) e Sporting (24-5).


Benfica Râguebi Feminino Campeão Nacional
Os festejos das novas Campeãs

Benfica Râguebi Feminino Campeão Nacional
Determinação à Benfica

Benfica Râguebi Feminino Campeão Nacional
Mais um ensaio concretizado

Benfica Râguebi Feminino Campeão Nacional
A Águia sempre nas alturas


Parabéns Campeãs!!!



segunda-feira, 11 de dezembro de 2017


Modalidades à Benfica! - VIII


Benfica Basquetebol Feminino

Basquetebol

XX Campeonato Nacional Liga Feminina

10ª Jornada: Benfica 82 - 43 Académico 
11ª Jornada:  - Benfica 72 - 45 Vítória de Guimarães
Jogaram: Catarina Neves (8), Cynthia Dias (2), Joana Ramos (4), Mafalda Borges, Mariana Silva (2), Ladondra Johnson (21), Marta Martins, Dejza James (21), Jessica Garcia, Filipa Bernardeco (8), Telma Fernandes (6) e Inês Vales.
Classificação: 5º Lugar - 11J 6V 5D 17P
Próximo jogo: 12ª Jornada - Benfica - CAB (16/12/2017 - 18:00)
Próximo jogo: 14ª Jornada GDESSA Barreiro - Benfica (19/12/2017 - 21:30)

Taça de Portugal

1ª Eliminatória: Benfica 71 - 75 União Sportiva (Após prolongamento)
Jogaram: Catarina Neves (8), Cynthia Dias, Joana Ramos (19), Mafalda Borges, Mariana Silva (4), Ladondra Johnson (14), Dejza James (20), Jessica Garcia, Filipa Bernardeco (6), Telma Fernandes e Inês Vales.


Benfica Basquetebol Masculino

Basquetebol

X Campeonato da LPB Placard

9ª Jornada: Eléctrico Ponte Sor 78 - 99 Benfica
10ª Jornada: Benfica 93 - 85 Académico 
Jogaram: José Silva (8), Pedro Lança, Nuno Oliveira (8), Claudio Fonseca (4), João Soares (10), Tomás Barroso (9), Carlos Andrade (5), Antywane Robinson (29), Jesse Sanders (8), Raven Barber (5), Ricardo Monteiro e Dos Santos (7).
Classificação: 1º Lugar - 10J 10V 0D 20P
Próximo jogo: 11ª Jornada - Illiabum - Benfica (13/12/2017 - 20:30)
Próximo jogo: 12ª Jornada - Vitória de Guimarães - Benfica (16/12/2017 - 15:00)

Fiba Europe Cup

5ª Jornada: Benfica 95 - 108 Bakken Bears
6ª Jornada: Avtodor Saratov 110 - 71 Benfica 
Classificação: 4º Lugar - 6J 1V 5D 7P (Eliminado)

Supertaça

Vencedor: Benfica 104 - 74 CAB Madeira


Benfica Futsal Feminino

Futsal

Campeonato Nacional Futsal Feminino

8ª Jornada: Benfica 9 - 2 Arneiros
9ª Jornada: Povoense 1 - Benfica 
Jogaram: Bety Delgado, Maria Pereira,  Janice Silva, Débora Venâncio, Inês Fernandes (1), Ana Catarina, Cláudia Lobo, Cláudia Costa, Cátia Batista, Sara Ferreira (1), Raquel Santos e Inês Matos.
Classificação: 1º Lugar - 9J 9V 0E 0D 27P
Próximo jogo: 10ª Jornada - Benfica - Sporting (16/12/2017 - 16:00)

Supertaça

Vencedor: Benfica 3 - 0 Novasemente


Benfica Futsal Masculino

Futsal

Liga Sport Zone

13ª Jornada: Benfica 7 - 0 Quinta dos Lombos
14ª Jornada: Benfica 4 - 0 Burinhosa 
Jogaram: Roncaglio, Fábio Cecílio, Bruno Coelho (1), Deives (2), Robinho, André Coelho (1), Tiago Brito, Rafael Henmi, Bruno Pinto, Cristiano, André Correia, Afonso Jesus, Raul Campos e Jacaré.
Classificação: 2º Lugar - 14J 13V 0E 1D 39P
Próximo jogo: 15ª Jornada - Pinheirense - Benfica (17/12/2017 - 18:00)


Benfica Hóquei Patins Feminino

Hóquei em Patins

Campeonato Nacional Feminino

6ª Jornada: Benfica 8 - 0 Tojal
7ª Jornada: A. A. Coimbra 1 - 3 Benfica 
Jogaram: Sandra Coelho, Marlene Sousa (1), Inês Vieira, Rita Lopes (1), Rute Lopes (1), Maria Vieira, Raquel Abreu e Ana Arsénio.
Classificação: 1º Lugar - 7J 7V 0E 0D 21P
Próximo jogo: 8ª Jornada - Nafarros - Benfica (17/12/2017 - 17:00)

Taça de Portugal

1ª Eliminatória - 1ª Mão: Benfica 20 - 1 Nafarros
1ª Eliminatória - 2ª Mão: Nafarros 0 - 15 Benfica 
Jogaram: Sandra Coelho, Marlene Sousa (6), Inês Vieira (1), Rita Lopes (3), Rute Lopes (1), Maria Vieira, Raquel Abreu, Maca Ramos, Andreia Leal (3) e Ana Arsénio (1).
Próximo jogo: 2ª Eliminatória - 

Liga Europeia Feminina

1ª Eliminatória - 1ª mão: - Plegamans 1 - Benfica
Jogaram: Maria Celeste Vieira, Marlene Sousa, Inês Vieira, Rita Lopes e Rute Lopes.
1ª Eliminatória - 2ª mão: Benfica 5 - 3 Plegamans (Vitória nas grandes penalidades)
Jogaram: Maria Celeste Vieira, Marlene Sousa (1), Inês Vieira, Rita Lopes (1+1) e Rute Lopes (1+1), Sandra Coelho, Ana Arsénio, Maca Ramos, Raquel Abreu e Andreia Leal.
Próximo jogo: Quartos de Final - 1ª Mão - Benfica - Estrelas Molfetta (IT) (20/01/2018 - 18:00)

Supertaça

Vencedor: Benfica 4 - 1 Stuart Massamá


Benfica Hóquei Patins Masculino

Hóquei em Patins

Campeonato Nacional

6ª Jornada: HC Braga 1 - Benfica 
7ª Jornada: Benfica 2 - 1 OC Barcelos
Jogaram: Pedro Henriques, Valter Neves, Diogo Rafael,  Vieirinha, João Rodrigues, Guillem Trabal, Carlos Nicolia (1), Tiago Rafael, Jordi Adroher (1) e Miguel Rocha.
Classificação: 3º Lugar - 7J 7V 0E 0D 21P
Próximo jogo: 8ª Jornada - Paço de Arcos - Benfica (13/12/2017 - 21:00)

Liga Europeia

2ª Jornada: Forte Dei Marmi 1 - 1 Benfica   
3ª Jornada: Benfica 4 - 8 Barcelona    
Jogaram: Pedro Henriques, Valter Neves, Diogo Rafael, Jordi Adroher (1), Carlos Nicolia (2), Guillem Trabal, Vieirinha, Tiago Rafael, João Rodrigues (1) e Miguel Rocha.
Classificação: 2º Lugar - 3J 1V 1E 1D 4P
Próximo jogo: 4ª Jornada - Barcelona - Benfica (13/01/2018 - 18:00)


BenficaVoleibol Masculino

Voleibol

Campeonato Nacional - 1ª Fase

13ª Jornada: Benfica  3 - 1 Castelo da Maia (20-25 | 15-25 | 25-21 | 18-25)
14ª Jornada: SC Caldas 0 - 3 Benfica (14-25 | 19-25 | 15-25)
Jogaram: Tiago Violas, André Lopes, Ivo Casas, Hugo Gaspar, Fred Winters, e Cveticanin.
Classificação: 1º Lugar - 13J 12V 1D 36P
Próximo jogo: 15ª Jornada - Espinho - Benfica (16/12/2017 - 17:00)

Challenge Cup

2ª Eliminatória - 2ª Mão:  CS Volei Municipal Zalau 2 - Benfica (22-25 | 19-25 | 25-18 | 25-27 | 25-22 | 10-15)
16 Avos - 1ª Mão: Benfica  3 - 0 UVC Holding Graz (25-17 | 25-16 | 25-16)
Jogaram: Hugo Gaspar, Gradinarov, Cveticanin, Zelão, Fred Winters, Tiago Violas e Ivo Casas.
Próximo jogo: 16 avos - 2ª Mão - UVC Holding Graz - Benfica

Taça de Portugal

Oitavos de final: Benfica  3 - 1 Sporting  (21-25 | 25-19 | 25-23 | 32|36)
Jogaram: Vinhedo, André Lopes, Mrdak, Gradinarov, Honoré, e Ivo Casas.
Próximo jogo: Quartos de final: Benfica - ??? (???)


Benfica Andebol Masculino

Andebol

Campeonato Nacional

14ª Jornada: Madeira SAD 28 - 32 Benfica
15ª Jornada: Benfica  33 - 28 Águas Santas
Jogaram: Hugo Figueira, Davide Carvalho (3), João Silva (5), Pedro Seabra, João Pais (1), André Alves, Belone Moreira, Paulo Moreno (9), Ricardo Pesqueira (4), Nuno Grilo, Alexandre Cavalcanti (4), Fábio Vidrago (7), Miguel Espinha e Ales Silva.
Classificação: 2º Lugar - 15J 13V 1E 1D 42P
Próximo jogo: 16ª Jornada - Porto - Benfica (13/12/2017 - 20:00)


Abraço


sábado, 9 de dezembro de 2017


Benfica vs Estoril - Queremos mais e melhor

Queremos a Águia a voar mais alto
O Estoril apadrinhou o regresso do Benfica ao Estádio da Luz para jogo da 14ª jornada da Liga NOS 2017/18 que dava a possibilidade ao Benfica de saltar para a liderança, ainda que à condição. Perto de 50.000 pessoas assistiram a este jogo importantíssimo para a consolidação da recuperação rumo ao Penta.
Foram muitas as novidades em relação ao jogo com o Basileia para a Liga dos Campeões. Foi no entanto o regresso ao onze apresentado na ultima jornada da liga, o que significa que finalmente começa a ficar definida uma equipa base.
Onze inicial: Varela, A. Almeida, Luisão, Jardel, Grimaldo, Fejsa (Samaris 69'), Krovinovic, Pizzi, Salvio (Rafa 78'), Cervi e Jonas (Raúl 84').
Suplentes: Paulo Lopes, Samaris, Keaton, João Carvalho, Rafa, Seferovic e Raúl.

Ao sabor dos acontecimentos

Boa entrada em jogo do Estoril a jogar no meio campo do Benfica fruto de uma pressão alta que criava dificuldades à saída de bola benfiquista. Como consequência dessa boa entrada a bola esteve sempre a rondar a baliza encarnada embora sem grande perigo.
Benfica Futebol Krovinovic
Krovinovic fez o terceiro da partida
O Benfica aproveitou este esticar de manta da equipa estorilista e respondeu em contra-ataque e num espaço de cinco minutos faz dois golos. Salvio primeiro, a passe de Cervi, e Jonas depois, a passe de Salvio, colocam o Benfica com uma vantagem tranquiladora.
Em cima do intervalo o Estoril chega ao empate num bom cabeceamento que não deu qualquer hipótese a Bruno Varela. Com este golo os visitantes reentravam no jogo e relançavam o interesse na segunda parte. Já não é a primeira vez que o Benfica sofres estes golos mesmo em cima do apito para o intervalo. Há que manter a concentração sempre a top.

Jogo sempre pouco controlado

Bruno Varela foi o primeiro protagonista de segunda parte com um boa intervenção a negar o golo ao Estoril. Os visitantes procuravam o empate mas era o Benfica que dispunha de boas situações de golo, quase sempre através de boas incursões pela esquerda. Cervi e Grimaldo combinavam muito bem e serviam com critério os seus companheiros em situação de concretização. Foi no entanto numa boa iniciativa de Krovinovic pela zona central em combinação com Cervi que chegou o terceiro golo.
O Estoril não se rendeu e continuou à procura do golo, o que chegou a acontecer mas foi corretamente invalidado pelo vídeo-árbitro por mão do jogador canarinho. Inclusive viu o cartão amarelo por essa ação. Daí até final nada de registo a assinalar, foi apenas esperar pelo apito final do árbitro da partida.
Benfica Futebol Salvio
Salvio, um golo e uma assistência
Já é o terceiro jogo consecutivo com o mesmo onze titular, já são vários jogos com este sistema, já é tempo de a equipa começar a apresentar uma evolução clara no seu futebol. É impressionante a facilidade com que a bola chega à grande área do Benfica. Já é tempo de efetuar uma pressão ao adversário com um mínimo de coordenação entre todos os jogadores. Já é tempo de se ver referências no processo defensivo. Se a equipa não dá um salto qualitativo vai ser uma época muito sofrida.


#naomefodas mode on
  • Fds, que saudades de ver o nosso Benfica dono e senhor do jogo.
  • As quebras nas segundas partes já mereciam alguma análise, não Mister?
  • Top apresentar um banco sem um único defesa! Se não é inédito, não deve andar muito longe.
  • Bora lá ganhar na quarta-feira que o Jamor é "muita lindo".
#naomefodas mode off

Venha o próximo e viva o Benfica!!!

Destaques do Baralho

REI: Asa esquerda – Muito boa a dinâmica imprimida por Cervi e Grimaldo no corredor esquerdo da equipa.
ÁS: Salvio – Um golo e uma assistência que ajudaram a fazer o resultado.
SENA: Homenagem a Zé Pedro – Fica também a homenagem pessoal a um artista com carisma à Benfica.
DUQUE: Amarelo André Almeida – Não havia necessidade de ficar "à bica" para o derbie. Se pelo menos houvesse alternativa...
Abraço


terça-feira, 5 de dezembro de 2017


Benfica vs Basileia - Sexto prego no caixão

Benfica Futebol Liga dos Campeões
Este símbolo merece respeito em todos os momentos
Para encerrar a sua participação na Liga dos Campeões o Benfica recebeu os suíços do Basileia. O objetivo passava apenas pela defesa do prestígio do clube e pelo amealhar do sempre apetecido prémio monetário associado à vitória, já que qualquer que fosse o resultado o Benfica não fugiria ao último lugar do grupo. 
O onze apresentado por Rui Vitória apenas manteve dois jogadores do confronto da jornada anterior da Liga NOS; Jardel e Pizzi.  Foi, portanto, um onze de segundas linhas que subiu ao relvado do estádio da Luz para tentar de alguma forma minimizar os danos da campanha europeia 2017/18.
Onze inicial: Svilar, Douglas, Lisandro, Jardel, Eliseu, Samaris (A. Almeida 73'), João Carvalho, Pizzi (Gabriel 73'), Zivkovic, Diogo Gonçalves (Jonas 62') e Seferovic.
Suplentes: Varela, A. Almeida, Luisão, Rafa, Gabriel, Jonas e Raúl Jiménez.

Cinismo suíço premiado imerecidamente

O início deste jogo foi quase uma cópia fiel de jogo de Basileia onde a então equipa da casa abriu o marcador praticamente na primeira vez que se aproximou da baliza do Benfica. Dadas as muitas alterações no onze encarnado temeu-se que a equipa acusasse muito este golo sofrido, mas tal não se verificou.
À imagem do último jogo para o campeonato o adversário mais uma vez devia ficar reduzido a dez unidades logo aos dez minutos de jogo. Desta vez a entrada sobre Pizzi ainda deu direito a cartão amarelo para o jogador do Basileia, mas o que é certo é que o vermelho ficou no bolso.
Benfica Futebol Liga dos Campeões
Nunca percebi para que servem estes bonecos
Ao longo da primeira parte o Benfica foi apresentando um futebol relativamente agradável, com posse de bola, boa circulação e aproveitamento de ambos os flancos. As oportunidades foram aparecendo mas por inoperância dos atacantes e boa oposição da defensiva contrária o golo não apareceu. Perto do fim fica mais um lance de mão na área adversária que o árbitro de baliza conseguiu não ver.

Quem não marca sofre

A segunda parte recomeçou com o Benfica a insistir na busca do golo do empate.Foram vinte minutos de pressão com a bola sempre próximo da baliza da equipa suíça mas faltou sempre qualquer coisa para que o golo surgisse.
Quando o Benfica se preparava para "reforçar" o onze para o forcing final, surge o segundo golo do Basileia. É um lance que define um pouco o que é Samaris: grande corte em esforço; após a reparação passe disparatado para os pés do adversário; faz alta sobre o adversário e na sequência da falta aparece o golo. Após o golo foi tudo muito mau e apenas se desejou a rápida chegada do apito final.
Esta é uma época para não esquecer em termos das provas da UEFA. A história e o prestígio do Benfica passam muito pelo seu historial Europeu. Já que mais nada retiramos desta participação, que retiremos ao menos ensinamentos para que tal nunca mais se repita.
Benfica Futebol Liga dos Campeões
Desolador o aspeto da Catedral

#naomefodas mode on
  • Trocar nove jogadores num jogo da Liga dos Campeões, Mister? Confundiu com um jogo da Taça da Liga? Pqp!
  • Agora é olhar para o amarelo do Estoril e pensar que é o Dortmund para a Liga dos Campeões.
  • Quase a chegar janeiro e ainda acham que o Douglas e o Gabriel vão ser soluções de futuro? Vão gozar com o crl.
  • Toca a enterrar o caixão bem enterradinho e bora lá Rumo ao Penta!!!.
#naomefodas mode off

Venha o próximo e viva o Benfica!!!

Destaques do Baralho

REI: Jardel – Continuam os sinais de que a recuperação do "Guerreiro da Luz" pode ser uma realidade.
ÁS: Adeptos – Os presentes.
SENA: Árbitros de baliza – Sem dúvida um dos melhores empregos do mundo. Pagos para não fazer nada e ainda viajam à grande e à francesa.
DUQUE: Adeptos – Os ausentes.
Abraço


Espreite também...

Modalidades à Benfica! - XV